Prefeitura reforça prevenção ao Sarampo

2262

 

A Prefeitura Municipal de Além Paraíba, através da Secretaria de Saúde, por meio da Divisão de Vigilância em Saúde reforçam a prevenção ao Sarampo.

ALERTA DE SARAMPO 2018

Considerando o cenário epidemiológico mundial do sarampo e o risco de reintrodução da doença a partir do regresso de turistas mineiros ou estrangeiros de países e cidades que tem registro de casos de sarampo, devemos estar alertas à possibilidade de importação do vírus.

O sarampo é uma doença viral extremamente contagiosa e muito comum na infância e pode cursar com complicações graves, incluindo encefalite, pneumonia e morte. A transmissão da doença ocorre diretamente de pessoa a pessoa, através de gotículas do nariz, boca ou garganta de pessoas infectadas pelo vírus.

A ÚNICA FORMA DE SE PREVENIR CONTRA O SARAMPO É A VACINAÇÃO!

A vacina tríplice viral se encontra disponível em todas as unidades de saúde e protege contra o sarampo, a rubéola e a caxumba.

ESQUEMAS DE VACINAÇÃO POR IDADE:

  • Aos 12 meses de idade, a criança deverá receber a primeira dose da vacina tríplice viral (que protege contra o sarampo, a rubéola e a caxumba).
  • Aos 15 meses de idade, a criança deverá receber segunda dose com a vacina a tetraviral (contra o sarampo, a rubéola, a caxumba e a catapora/varicela) ou a vacina tríplice viral e a de varicela monovalente.
  • De 02 a 29 anos, caso não tenha nenhum registro de dose da vacina tríplice ou tetraviral, deverão receber duas doses com intervalo de no mínimo 30 dias da primeira dose.
  • De 30 a 49 anos, caso não tenha nenhum registro de dose da vacina tríplice ou tetraviral, deverá receber apenas uma dose.
  • Os profissionais de saúde (médicos, enfermeiros, dentistas e outros), independente da idade, devem ter duas doses válidas da vacina tríplice viral documentadas.

É fundamental que profissionais de transporte (taxistas, motoristas de aplicativos, motoristas de ônibus), funcionários de hotéis, turistas e profissionais do sexo mantenham o cartão de vacinação atualizado conforme os esquemas vacinais para continuar mantendo o estado livre da circulação do sarampo.

Adm. 2017/2020, construindo uma nova história.